Jurandir da Prensa
São Bento PB

Prefeitura de São Bento apresenta Plano de Reabertura Comercial e de Serviços

Prefeitura de São Bento apresenta Plano de Reabertura Comercial e de Serviços

16/06/2020 14h36
Por: Mais São Bento
Fonte: Ascom
1.448

A Prefeitura Municipal de São Bento, através do prefeito Jarques Lúcio e profissionais da área de saúde, apresentou, na última segunda-feira (15), um Plano de Reabertura do Comércio e de Serviços, denominado “Plano de Convivência”, em concordância com o Ministério Público do Estado, através da Promotoria de Justiça Local.

O planejamento de flexibilização da economia local veio após o município ser enquadrado na bandeira amarela do governo estado, criada com o intuito de avaliar a situação dos municípios, no combate à pandemia.

As regras gerais do plano são as seguintes:

  • Limitação de acessos às lojas, com controle do número de entradas;
  • Obrigatoriedade do uso de máscaras por funcionários e clientes;
  • Disponibilização de pontos com álcool em gel na entrada e interior das lojas;
  • Evitar aglomerações nos caixas e sinalizar o distanciamento necessário;
  • Dispor de comunicados que instruam os compradores e funcionários sobre as normas de proteção que estão em vigência nos estabelecimentos;
  • Evitar atividades promocionais que possam causar aglomeração;
  • No caso das clínicas e salões de beleza, os atendimentos devem ser feitos por agendamento e horário marcados, sem fila de espera e higienização entre um cliente e outro.

As normativas contidas na Recomendação de nº 014/2020 do Ministério Público, acerca da reabertura gradual do comércio de São Bento, preconizam que permanece proibido o funcionamento de escolas públicas e particulares, casas de eventos, bares, áreas de lazer e aglomeração de qualquer natureza, enfatizando que todos os comércios e serviços essenciais deverão manter rotinas de prevenção para conter a disseminação da COVID -19, tais como:

  • Fornecer álcool em gel 70 % em todas as entradas do comércio;
  • Evitar compartilhamento de utensílios e materiais;
  • Aumentar a distância entre cadeiras, mesas e filas;
  • Aumentar a frequência de higienização de superfícies;
  • Manter ventiladores em ambientes de uso coletivo;
  • Orientar todos os funcionários quanto à necessidade de uso permanente de álcool em gel, máscaras e luvas, independentemente da função que exercerem;
  • Caso os comércios tenham implantado em sua rotina a utilização de utensílios permanentes (caneca, copos, etc.), estes deverão ser de uso exclusivo de cada usuário, devendo ser hifenizados, rigorosamente;
  • Higienizar, frequentemente, as mãos.

O prefeito de São Bento, Jarques Lúcio, reconhece o empenho de todos os colaboradores da Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância Sanitária, para que o município pudesse apresentar as informações requisitadas pelo órgão Ministerial, com base nos indicadores da bandeira amarela, procedendo com a variável entre 15 de junho a 15 de julho, para que, assim, possa adaptar e reexaminar a cada mês.

ASCOM

Essa matéria já foi vista 856

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.